Relacionamentos

Por Arnaldo Jabor

Sempre acho que namoro, casamento, romance tem começo, meio e fim. Como tudo na vida.
Detesto quando escuto aquela conversa:
– ‘Ah,terminei o namoro…’
– ‘Nossa, quanto tempo?’
– ‘Cinco anos…Mas não deu certo…Acabou’
– É não deu…?
Claro que deu! Deu certo durante cinco anos,só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.
Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes você não consegue nem dar 100% de você para você mesmo, como cobrar 100% do outro?
E não temos essa coisa completa.
Às vezes ele é fiel, mas não é bom de cama.
Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.
Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.
Às vezes ela é malhada, mas não é sensivel.
Tudo nós não temos.
Perceba qual o aspecto que é mais importante e invista nele.
Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe, mais básico que é uma delicia.
E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona…
Acho que o beijo é importante… E se o beijo bate… Se joga… Se não bate… Mais um martinni,por favor… E vá dar uma volta.
Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer.
Não lute, não ligue,não dê pití.
Se a pessoa tá com duvida, problema dela, cabe a você esperar ou não.
Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem duvidas e medos,mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta.
Nada de drama.
Que graça tem alguem do seu lado sob chantagem, gravidez, dinheiro, recessão de familia?
O legal é alguém que está com você por você. E vice e versa.
Não fique com alguém por dó também. Ou por medo da solidão.
Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso,não compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre a sua, seu olhar, seu pensamento.
Tem gente que pula de um romance para o outro.
Que medo é este de se ver só, na sua propria companhia? Gostar dói.
Você muitas vezes vai ter raiva,ciúmes,ódio,frustração. Faz parte. Você namora um outro ser, um outro mundo e um outro universo.
E nem sempre as coisas saem como você quer…
A pior coisa é gente que tem medo de se envolver. Se alguém vier com este papo, corra, afinal, você não é terapeuta.
Se não quer se envolver,namore um planta. É mais previsível.
Na vida e no amor, não temos garantias.
E nem todo sexo é bom para namorar.
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar.
Nem todo beijo é para romancear.
Nem todo sexo é bom para descartar. Ou se apaixonar. Ou se culpar.


Esta semana tive a oportunidade de ouvir o novo CD do Pe. Fábio de Melo e notei uma diferença no repertório criado por ele. Depois de vários sucessos nos cd’s anteriores, Pe. Fábio compôs melodias que me lembraram muito o nosso Rei Roberto Carlos. Além de suas vozes parecidas, as músicas dão um ar de tranquilidade e calmaria. Para quem ainda não teve a oportunidade de ouvir, segue aqui ao lado em uma pasta chamada Música, um de seus sucessos deste novo CD "VIDA". A música se chama O CADERNO e a letra segue abaixo.

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s